• Ana Poli

Peróxido de benzoíla: um ano de uso

O peróxido de benzoíla é um dos meus ingredientes favoritos contra a acne. Apesar de não ser um antibiótico, ele age como se fosse e o melhor: a pele não cria resistência contra ele. Além de ser um agente queratolítico, o que significa que ele promove a esfoliação profunda das células mortas da pele, consequentemente desobstruindo os poros e criando um ambiente onde a acne não consegue se proliferar.


Muitos acreditam que não se pode utilizar o peróxido de benzoíla por tempo prolongado, mas isso é um mito! O peróxido de benzoíla pode, sim, causar irritação e ressecamento excessivo da pele - mas esses são efeitos colaterais que podem ser evitados. Depois de um ano utilizando o peróxido de benzoíla regularmente na minha pele, eu posso dizer que esse produto mudou a aparência e textura da minha pele para melhor.


Características sensoriais do Peróxido de Benzoíla


Minha formulação favorita é o Benzac 5, da Galderma. É uma formulação em gel, não tem cheiro e espalha bem na pele. Por ser um peróxido, ele tem ação alvejante: cuidado para não manchar suas roupas, toalhas e até cabelo! Existem as concentrações de 2.5 ou 10%, mas eu acredito que a de 5% seja o suficiente para obter bons resultados.


Efeitos colaterais e como introduzir o Peróxido de Benzoíla na rotina de cuidados com a pele


O peróxido de benzoíla pode ser bastante irritante e ressecar sua pele. Por isso, é importante cuidar da barreira protetora da pele fazendo uso de hidratantes e/ou oclusivos ao mesmo tempo. Escolha um hidratante para o seu tipo de pele e use antes ou depois de aplicar o peróxido de benzoíla.


Se você está começando a usar o peróxido de benzoíla pela primeira vez, pode fazer a terapia de curto contato: aplicar o produto normalmente, mas lavar o rosto com água depois de 5 a 10 minutos. Faça isso de uma a duas vezes por semana e vá aumentando o tempo de contato aos poucos, até sua pele se acostumar. Você também pode começar utilizando algumas vezes na semana, e depois aumentar a frequência conforme sua pele se acostuma com o peróxido de benzoíla.


Minha experiência com o Peróxido de Benzoíla


Após um ano de uso, hoje a textura e aparência da minha pele é muito melhor do que antes. Minha pele é lisa, e as espinhas secam mais rapidamente, além de que aparecem menos frequentemente.


Estudos que comprovam a eficácia do Peróxido de Benzoíla


O peróxido de benzoíla é um medicamente utilizado no tratamento da acne vulgar há mais de 50 anos. Diversos estudos comprovam sua eficácia e comparam sua atuação com outros ingredientes contra a acne.




Posts Relacionados

Ver tudo